empreendedorismo e-mail

Email Marketing: Você Está Fazendo Isso Certo?

13/jun/17

Confira agora algumas dicas de email marketing para alavancar cada vez mais o seu negócio!

01. Você Foi Convidado Para A Festa?

Tem coisa mais inconveniente do que aquela ligação de uma central de telemarketing oferecendo serviços em que você nunca demonstrou algum interesse? Pois é, horrível.
Essa técnica é conhecida como Marketing de Interrupção, e consiste em interromper uma atividade ou atenção do público para apresentar o motivo do contato.

Apesar de possuir um resultado rápido, os motivos contrários são muito maiores, como: constante incômodo, gerando uma má impressão da empresa, um custo relativamente alto, já que essa técnica baseia-se em atingir o máximo de pessoas possíveis. Como consequência, terá um ROI baixo, já que essa insatisfação será maior do que as conversões geradas por esse tipo de contato.

Você não vai querer isso para a sua marca, não é mesmo? Ainda mais nos tempos atuais, em que tudo está baseado em Marketing de Permissão.

O consumidor não está mais disposto à ser interrompido para receber anúncios de um material em que não tenha demonstrado nenhum tipo de interesse.

02. O Assunto Do E-mail É Tudo.

Achou intrigante o título do item anterior, não foi? Pois é, um bom assunto do e-mail marketing é essencial para definir se os seus contatos irão abrir ou não aquele e-mail em que você passou um bom tempo criando.

Ou seja, de nada irá adiantar criar um material incrível para o seu e-mail marketing se a pessoa não se interessar em abri-lo.

Mas também não vai se empolgar e escrever um título enorme. O ideal é possuir algo entre 50 caracteres. Vale ressaltar que devemos nos atentar para o mobile, já que o espaço reservado para o assunto do e-mail é ainda mais reduzido.

Ah, nada de CAIXA ALTA em toda a frase e nem usar cores muito chamativas. Isso vai dar uma cara de SPAM ao seu e-mail.

03. Nada De Mandar E-mails Todos Os Dias

Esse é o primeiro motivo das pessoas cancelarem suas assinaturas, já que a alta frequência de emails com conteúdos irrelevantes é insuportável. Ou seja, em vez de mandar e-mails diários, que tal enviar um com mais assuntos? Ou, caso o assunto abordado tenha que ser e-mails separados, enviar com um intervalo de quatro dias.

 

04. Adapte-se Ao Mobile

Atualmente, a maioria dos acessos da internet no Brasil, mais de 80% dos acessos, são feitos a partir do celular. Ou seja, devemos facilitar o acesso deles em nossos sites e até mesmo aos e-mails marketing.

Imagina aí, o quão desconfortável que deve ser ter que abrir um email através do seu smartphone e ter que ficar correndo a página de um lado ao outro para conseguir ler o seu conteúdo, sem falar de quando as imagens demoram um tempo para poder carregar.

Portanto, é importantíssimo gerar os e-mails marketing que sejam responsivos. Assim, adequando-se aos diversos formatos de displays, sendo eles celulares, tablets e até mesmo os PCs.

 

05. Acompanhar Os Resultados? Sempre!

Pois é, de nada adianta mandar vários e-mails e não saber se eles estão surtindo algum efeito. Para isso, devemos monitorar o resultado de cada disparo.

Esse feedback é importantíssimo para saber se estamos utilizando a estratégia correta ou até mesmo se estamos atingindo as pessoas certas.

Os serviços de disparo de e-mail marketing nos dão algumas métricas para gerarmos informações relevantes e criarmos diversos insights.

Ou seja, se percebemos que a taxa de abertura do e-mail está baixa, podemos deduzir que o título criado não esteja da forma ideal.