Como fazer uma estratégia de e-mail marketing para lojas virtuais?

07/jun/18

Quantas vezes você já fez uma compra em uma loja virtual e depois ficou recebendo muitos e-mails com diversas ofertas que não são de seu interesse? Pois é, isso ocorre pois muitas empresas não sabem como fazer e-mail marketing corretamente.

Nesta postagem, nós apresentaremos algumas práticas fundamentais para o sucesso de sua estratégia de e-mail marketing. Por isso, pegue um bom café e confira o que temos para você!

Construa uma base de e-mails forte

Sem dúvidas, esse é o primeiro passo para que uma estratégia de e-mail marketing tenha sucesso, mas poucas empresas encaram esse tópico com a seriedade necessária e, muitas vezes, compram grandes listas de e-mail.

A primeira vista, parece ser um bom negócio, afinal, é possível conseguir diversas informações sem muito esforço. Contudo, essas listas não possuem qualidade, são compostas por e-mail inexistentes e, dificilmente, os contatos possuem o seu perfil de público.

Além disso, adquirir tais listas é algo que impacta profundamente e de maneira negativa na reputação de seu domínio perante os servidores de e-mail, reduzindo suas taxas de entrega e enviando suas mensagens para o spam.

Portanto, a melhor estratégia é realizar sua própria de coleta de informações. Você deve permitir que a pessoa opte pela inclusão na lista, formando um banco de dados com contatos que realmente possuem interesse em seus produtos ou soluções.

Faça a segmentação

Um cliente comprou um tênis em sua loja virtual? Fique atento! Enviar um e-mail com promoções de artigos de cozinha não será interessante e poderá levar a pessoa a solicitar a exclusão de seus dados da lista de contatos.

Antes de realizar qualquer envio, é fundamental conhecer o perfil e o histórico de seu público e segmentá-lo de acordo com suas características e interesses em comum. Tal estratégia permite que as informações enviadas sejam sempre relevantes para ele.

Invista em um bom design

De nada adianta ter uma promoção incrível e segmentar os públicos, se o layout da mensagem não está harmonioso ou mal diagramado. Diferentemente do que muitos dizem, a imagem importa, sim! Principalmente quando se deseja transmitir credibilidade ao seus clientes.

Uma simples mensagem de e-mail com uma aparência ruim, além de reduzir as taxas de sucesso de sua campanha, poderá comprometer a imagem da empresa, transmitindo uma sensação de desleixo e desorganização.

Por isso, invista em um bom layout, estruture-o de maneira correta e, antes de enviá-lo, faça uma revisão completa das informações —  a realização de testes A/B para verificar qual o modelo traz mais resultados para sua estratégia é uma ótima opção. Por último, é claro, não se esqueça de colocar o CTA.

Elabore um fluxo de nutrição

Quando a captura de e-mail é realizada por um campo de newsletter, por exemplo, você tem pouquíssimas informações a respeito das necessidades, perfil e interesse do lead. Por esse motivo, é necessário encontrar meios de extrair mais informações sobre ele.

Uma ótima estratégia é a elaboração de um fluxo de nutrição. Ele levará mais informações sobre seus produtos aos seus contatos, ajudará no levantamento de informações sobre o seu perfil e, eventualmente, pode incentivá-los a comprar, oferecendo-lhes descontos para a aquisição de produtos.

Conforme visto, saber como fazer e-mail marketing para sua loja virtual é algo relativamente simples, mas é preciso dedicar uma boa dose de planejamento e dedicação para se ter bons resultados. Por isso, não perca mais tempo e comece a colocar em prática tudo o que aprendeu!

Agora que você já sabe um pouco mais sobre o assunto, aproveite a visita ao nosso blog e veja os 4 erros a serem evitados ao criar sua loja virtual!