Experiência do usuário: afinal, o que é e qual a importância da UX?

20/dez/17

Você já se perguntou como o cliente se sente ao fazer uso do site da sua empresa? É por questionamentos desse tipo que marcas de todos os portes e áreas de atuação estão investindo na experiência do usuário: estudando, planejando e atuando na direção de um design focado na satisfação dos consumidores. Por meio disso, é possível contribuir também para o aumento das vendas em uma loja virtual. Confira! 

O que é a UX?

UX, acrônimo oriundo do inglês User Experience, é uma área do conhecimento que tem como foco a criação de um design — seja físico ou digital — de produtos e aplicações úteis, eficazes e que permitem uma interação satisfatória para os usuários. Amplamente empregado em processos digitais, esse campo de trabalho visa entender e criar melhorias para a navegação em blogs, apps e e-commerces

Para entender melhor esse conceito, é preciso refletir sobre a complexidade dos fatores que compõem a experiência do usuário. UX é feita nos detalhes, onde elementos como estilo, cores, fontes e ícones ganham devido peso, juntamente com aspectos técnicos de arquitetura da informação, velocidade e navegabilidade. 

Um exemplo de empresa que se preocupa seriamente com o user experience é o Google. A marca, dona do mais acessado buscador da internet, tem como premissa a simplicidade e usabilidade, dando grande ênfase na necessidade dos usuários em todos os seus produtos. 

Por que a UX é importante? 

Ao se preocupar com a experiência do usuário, empresas investem no componente primordialmente responsável pelo sucesso ou fracasso dos seus negócios. Afinal, como diz o ditado popular: o cliente tem sempre a razão — e na era digital, isso significa investir em UX. 

Antigamente, as marcas criavam sem considerar amplamente e estrategicamente a visão, sentimentos e percepções dos seus consumidores. Entretanto, como resultado de um mercado cada vez mais competitivo, empresas estão tendo que se adequar a uma realidade diferente, onde o cliente possui um leque de opções e, portanto, uma grande quantidade de parâmetros de comparação. 

Como ela pode ajudar um e-commerce? 

Os conceitos, técnicas e procedimentos da UX contribuem em todos os processos e aspectos de uma loja online. Desde o primeiro acesso ao site, passando pela realização da compra, até um possível suporte pós-venda, o design e aplicações que irão resultar na experiência do usuário podem ser otimizados.

Imagine um e-commerce focado em vender acessórios esportivos. Essa loja, mesmo com preços promocionais, percebe que os usuários desistem da compra no momento de colocar os dados do cartão de crédito. Ao receber um insight de uma agência com expertise em UX, a empresa descobre que a falta de selo de segurança visível no site estava inibindo os potenciais consumidores, resultando em uma experiência insatisfatória. 

O exemplo acima é apenas uma forma simplificada de entender como é imprescindível conhecer a fundo as necessidades, medos e vontades dos usuários. Para assim, criar mecanismos que busquem atingir suas expectativas, por meio de ações que gerem um impacto positivo em todas as fases da relação entre cliente e marca. 

Gostou de aprender sobre a experiência do usuário? Siga nossas redes sociais (FacebookInstagram e LinkedIn) e não perca nenhum conteúdo como este!