Page speed: use a velocidade do site a favor do SEO

06/nov/18

Se você entende a importância de uma boa presença digital e posicionamento do seu site para obter sucesso nos negócios, então já deve ter ouvido falar na importância do page speed, que monitora a velocidade do carregamento da página.

Cuidando desse fator, é possível melhorar o ranqueamento do site segundo os critérios de Search Engine Optimization (SEO) utilizado pelo Google e por outros grandes buscadores. Dessa forma, trazendo um número maior de usuários para o seu negócio.

Se quer aprender como aproveitar disso, continue lendo e aproveite das informações a seguir.

Por que a velocidade do site é importante?

A experiência do usuário é o termômetro que indicará se o seu site está apto não só a receber muitas visitas mas também a reter o usuário.

Em meio à grande oferta de produtos e informação para usuários emponderados, um site lento se torna o ponto de fuga de pessoas que poderiam se interessar mas que vêem nessa ineficiência um fator de pouca confiabilidade e segurança.

Por que a velocidade do site será importante fator de ranqueamento?

O próprio Google e as centenas de critérios que guiam o SEO têm afirmado que a velocidade do site será cada vez mais um fator importante de ranqueamento. A principal razão disso é justamente a experiência do usuário, objetivo final da otimização dos mecanismos de busca.

Inclusive, a gigante da internet, o Google, já realiza testes comparativos entre os principais resultados da pesquisa a fim de averiguar qual site abre mais rápido e oferece a melhor navegação ao consumidor.

Mais uma vez, se não houver cuidado com essa questão será mais difícil aparecer no topo das pesquisas de forma orgânica, sem precisar pagar por anúncios.

O que influencia na velocidade do site?

Agora que você já está entendendo que não pode ficar de fora dessa corrida, pode estar se perguntando o que influencia na velocidade do site, não é mesmo? Nesse tópico, vamos apresentar alguns pontos principais que sanarão essas questões. Veja:

  • imagens pesadas: arquivos muito grandes, de alta resolução e em grande quantidade por toda a página dificulta o carregamento veloz;
  • scripts e aplicativos: caso sejam usados em excesso e diretamente no ambiente de hospedagem do site, comprometerá a velocidade;
  • publicidade: além de ser algo que incomoda o usuário e prejudica a experiência, em excesso também dificulta o carregamento;
  • desenvolvimento e design: um site que não é bem arquitetado será afetado por falta de eficácia, por isso, conte com profissionais.

Como pode ver, questões simples fazem grande diferença quando o assunto é tomar cuidado para que o carregamento do site não seja moroso. A seguir, vamos mostrar como otimizar a velocidade para que finalmente obtenha sucesso nessa empreitada.

Como otimizar a velocidade?

Da mesma forma que existem fatores que comprometem a rapidez do site, existem outros que otimizam a velocidade. Neste tópico, destrinchamos esses pontos, confira:

  • monitoramento: utilize ferramentas como o Google PageSpeed Insights e Google Test My Site para averiguar o desempenho da sua página;
  • diminuição uso de scripts e widgets: aloque estes recursos de forma correta e faça do JavaScript assíncrono a fim de não pesar o seu site;
  • redução do tamanho das imagens: não faz sentido carregar o site com imagens em alta resolução se elas não forem realmente necessárias;
  • utilização de plug-ins para cache: armazenando o site no disco rígido do visitante, o carregamento se dará mais rápido numa segunda visita;
  • hospedagem: um bom serviço de hospedagem garante segurança, eficiência e rapidez ao seu site.

Cuidando desses aspectos, você poderá alcançar excelentes resultados. Aproveite de todas as informações dadas nesse post e alavanque a rapidez da sua página online para sair na frente.

Se gostou de saber mais sobre page speed, aproveite para assinar nossa newsletter e continuar por dentro do nosso conteúdo.